Rússia

nação transcontinental que cobre toda a metade do norte da Ásia e do leste europeu.
Ásia > Rússia


Localização
noframe
Bandeira
Flag of Russia.svg
Informações Básicas
Capital Moscou
Governo Federação
Moeda Rublo (RUR)
Área total: 17.125.187 km2
População 143.420.309 (est. 2005)
Idioma Russo
Religião Ortodoxos, muçulmanos e ateus
Eletricidade 220/50Hz (tomada europeia)
Código telefônico +7
Internet TLD .ru
Fuso horário UTC +2 a +12


A Rússia (ru:Росси́я) é um país euro-asiático, com território cobrindo ambos continentes e grandes cidades. A capital da Rússia é Moscou.


EntendaEditar

A Rússia, oficialmente Federação Russa ou Federação da Rússia, é um país localizado no norte da Eurásia (Europa e Ásia em conjunto). Faz fronteira com os seguintes países (de noroeste para sudeste): Noruega, Finlândia, Estónia, Letónia, Lituânia e Polónia (ambas através de Kaliningrado), Bielorrússia, Ucrânia, Geórgia, Azerbaijão, Cazaquistão, China, Mongólia e Coreia do Norte. Faz também fronteiras marítimas com o Japão (pelo Mar de Okhotsk) e com os Estados Unidos (pelo Estreito de Bering). Com 17.075.400 quilómetros quadrados, a Rússia é o país com maior área do planeta, cobrindo mais de um nono da área terrestre. A Rússia também é o nono país mais populoso, com 142 milhões de habitantes.

HistóriaEditar

A história do país começou com os Eslavos do Leste, que surgiram como um grupo reconhecido na Europa entre os séculos III e VIII. Fundada e dirigida por uma classe nobre de guerreiros Vikings e pelos seus descendentes, o primeiro Estado Eslavo do Leste, o Principado de Kiev, surgiu no século IX e adotou o Cristianismo Ortodoxo do Império Bizantino em 988, dando início a síntese das culturas Bizantina e Eslava que definiram a cultura Russa. O Principado de Kiev finalmente se desintegrou e suas terras foram divididas em muitos pequenos Estados feudais. O estado sucessor do Principado de Kiev foi Moscóvia, que serviu como a principal força no processo de reunificação da Rússia e na luta de independência contra a Horda de Ouro. Moscóvia gradualmente reunificou os principados russos e passou a dominar o legado cultural e político do Principado de Kiev. Por volta do século XVIII, o país teve grande expansão através da conquista, anexação e exploração de territórios, tornando-se o Império Russo, que foi o terceiro maior império da história e se estendia da Polônia, na Europa, até o Alasca, na América do Norte.

ClimaEditar

A Rússia domina quase metade da Europa e um terço da Ásia. Este factor faz com a Rússia possua vários climas diferentes. A temperatura média anual é de 5,5 graus centígrados. A região mais a norte do país, chamada Sibéria, é a mais fria de todo o país. Registam-se temperaturas no inverno da ordem dos 40 aos 50 graus celsius negativos, às vezes chegando aos 60 graus negativos ou até menos. A Sul, o clima é mais quente, havendo campos e estepes onde as temperaturas chegam aos 8 graus negativos. O Verão na Rússia também é variável de região a região registando-se temperaturas médias de 25 °C. Em certos casos extremos, já houve dias em que se registassem temperaturas superiores a 45 °C. O frio proveniente da Sibéria alastra-se não só por toda a Rússia como por quase toda a totalidade da Europa e grande parte da Ásia. A Rússia é atravessada por quatro climas, ártico, subártico, temperado e subtropical. A ordem das estações pode ser classificada assim: Inverno longo e nevoso - Primavera temperada - Verão curto e quente - Outono chuvoso e varia muito ao longo do território russo[1] Na zona central da Rússia encontram-se as florestas mais claras, mistas, dominadas por bétulas, álamos, carvalhos. As florestas das zonas centrais estão divididas por estepes. A maior parte de estepes é lavrada e semeada por trigo, centeio, milho, girassol, etc.

RegiõesEditar

 
Regiões da Rússia
Noroeste
Central
Chernozemye
Meridional
Volga
Urais
Sibéria
Extremo Oriental
Caliningrado


Administrativamente, a Rússia possui 86 subdivisões, com territórios de classes distintas (21 repúblicas, 48 províncias, 7 territórios, 7 distritos autônomos, 1 província autônoma e 2 cidades federais -- Moscou e São Petersburgo)

CidadesEditar

Outros destinosEditar

  • Lago Baikal

ChegarEditar

  • A partir de 7 de junho de 2010, brasileiros não precisam de visto para entrar na Rússia a turismo [1], para estadias de no máximo 90 dias a cada 6 meses. No entanto, vistos são necessários para trabalho, estudo ou pesquisa.
    • Consulados no Brasil:
      • Rua Prof. Azevedo Marques, 50, Leblon, Rio de Janeiro, tel: 21 2274-0097
      • Av. Lineu de Paula Machado, 1366, São Paulo, tel. 11 3814-4100
      • Setor de Embaixadas Sul, Quadra 801, Lote A, Brasilia-DF, tel. 61 3223-5094
  • Portugueses precisam de visto de turismo. Para obtê-lo são necessários:
    • Convite também chamado carta de suporte de visto - visa support letter. Essa carta pode ser comprada online no site [2].
    • Documentos (passaporte com validade de 3 meses além do período do visto, 2 fotos, seguro de viagem)
    • Formulário de pedido de visto
    • Pagamento de taxas
      • Consulado em Lisboa: Rua Visconde de Santarém, 59, tel. 218-462-424, 218-462-524 e 218-462-623, fax 218-463-008, [3]

De aviãoEditar

Os vôos partindo de São Paulo para Moscou pela Aeroflot foram suprimidos. O caminho mais curto e rápido é pela Europa. De lá há vôos para as cidades mais importantes e também para as de médio porte. Além das companhias tradicionais européias, operam ainda no país as companhias de baixo custo, servindo a capital russa (aeroportos internacionais Domodedovo[4], a 35 km, e Vnukovo[5], a 28 km) e São Petersburgo (Aeroporto Internacional Pulkovo):

  • Da Alemanha: Air Berlin [7] de Berlim, Dusseldorf, Munique e Stuttgart para Moscou (Domodedovo) e de Berlim para São Peterburgo; € 110 o trecho. Germanwings [8] de Berlim, Colônia, Hannover, Hamburgo, Stuttgart para Moscou (Vnukovo) e de Berlim e Colônia para São Petersburgo; US$ 100 o trecho.

De barcoEditar


De carroEditar

De autocarro/ônibusEditar

Várias companhias, dentre elas a Eurolines[13], chegam a diversas cidades russas partindo de várias localidades na Europa, como Varsóvia, Berlim e Paris (esta duas vezes por semana -sáb. e 2ª-, 53h de viagem, € 220 ida e volta, até Moscou, por exemplo).

De comboio/tremEditar

É possível chegar à Rússia de trem a partir da Finlândia, Alemanha, Polônia, Países Bálticos e Ucrânia. A ferrovia Transmanchuriana liga Pequim à ferrovia Transiberiana, mais precisamente à cidade de Chita, a 6166 km de Moscou. A ferrovia Transmongoliana, une Pequim à Ulaanbataar, capital da Mongólia, e à cidade russa de Ulan-Ude, também na Transiberiana e a 5609 km de Moscou. Alguns sites vendem bilhetes pela internet.

CircularEditar

 
Ferrovia Transiberiana

O país tem como principais meios de transporte o trem e o automóvel.

De aviãoEditar

De barcoEditar

De carroEditar

Na Rússia, quase todos carros têm câmeras filmadoras, devido o alto número de acidentes de carro , e as filmagens podem servir de prova em caso de acidente.

De autocarro/ônibusEditar

De comboio/tremEditar

Na Rússia estão as maiores ferrovias do mundo. As ferrovias são grandes e muito bem distribuídas.

A Ferrovia Transiberiana corta o país de oeste a leste por 9259 km, de Moscou a Vladivostok, numa viagem que dura mais de 6 dias.

FaleEditar

O idioma oficial é o Russo (русский ou Russkiy em russo).Não espere encontrar falantes de inglês, a não ser nos hotéis, restaurantes e atrações mais chiques de Moscou e São Petersburgo.

Não é possível aprender a linguagem em pouco tempo; concentre-se em decorar algumas frases úteis e o alfabeto cirílico (p.ex. "ресторан" significa "restaurante") e ter uma chance de chance de decifrar nomes de ruas, rótulos, placas etc.

VejaEditar

FaçaEditar

Assista os jogos da Copa do Mundo de 2018, que será realizada no país. Também tem a Copa das Confederações, que acontecerá em 2017.

CompreEditar

  • Matriúshka - Bonecas de madeira pintadas que ficam uma dentro da outra
  • Ushanka - chapéu para o frio
  • Samovar - artefato indígena para infusão de chá
  • Chocolate - O chocolate russo é ótimo
  • Casacos de inverno em lojas de departamentos; eles são bem-feitos, estilosos e baratos
  • Sobretudos militares (sheenel) disponíveis em lojas de equipamentos militares
  • Caviar, vermelho e preto
  • Queijo duro - produzido em Altai

ComaEditar

  • Pelmeni (bolinho de carne)
  • Blini (crêpes)
  • Pão preto
  • Borsh (sopa de beterraba)
  • Piroshki (torta de carne ou repolho)
  • Golubsti (rolinhos de repolho)
  • Ikrá Baklajanaya (caviar de berinjela)
  • Shi (sopa de repolho)
  • Vareniki (bolinhos ucranianos)
  • Vinegret (salada de beterraba ou legumes cozidos)
  • Olivier (salada de batata)
  • Shashlyk (kebabs variados das Repúblicas do Cáucaso, similares aos churrasquinhos gregos)
  • Ikrá (caviar)

Beba e saiaEditar

DurmaEditar

AprendaEditar

RussoEditar

 
Este artigo ou secção não está de acordo com nosso manual de estilo e precisa ser editado. Por favor mergulhe fundo, dê-lhe um pouco de sua atenção e ajude-o a melhorar!

TrabalheEditar

SegurançaEditar

SaúdeEditar

RespeiteEditar

Mantenha contatoEditar

Este artigo está delineado e precisa de mais conteúdo. Ele já segue um modelo adequado mas não contém informações suficientes. Mergulhe fundo e ajude-o a crescer!